Publicado em
14 de outubro 2014
compartilhar

Foto_FB_Sarau_CCBB.JPG

 

O Sarau T-Bone no Centro Cultural Banco do Brasil foi um momento de celebração da poesia e da cultura, marcado pela diversidade. Os poetas Adeilton Lima, Vicente Sá, Noélia Ribeiro e Menezes y Morais, além da musicista Myrlla Muniz, trouxeram a poesia para o CCBB no sábado, dia 11 de outubro.

As recitações poéticas incluíram tanto trabalhos de autores consagrados (como o poema Sono das águas, de João Guimarães Rosa), quanto poemas escritos pelos próprios declamadores. Essa junção permitiu ao público estar em contato com uma diversidade de formas do fazer poético. Os temas das poesias também giraram em torno de assuntos variados.

Myrlla Muniz fez uma apresentação que, assim como a parte poética, foi marcada pela riqueza de expressões. Ela passou por várias vertentes da música, como o forró (com Xote das meninas, de Luiz Gonzaga, por exemplo), o fado português, músicas tradicionais espanholas e, como não podia deixar de ser, músicas nacionais que fizeram o público cantar e dançar junto (como aconteceu com Lamento sertanejo, de Gilberto Gil e Dominguinhos e com A violeira, de Chico Buarque).

O evento também foi importante como forma de exaltar a parceria de sucesso entre o T-Bone e o Banco do Brasil, iniciada com a instalação da Estação Cultural no CCBB. A Estação Cultural conta com empréstimo de livros e acesso à internet liberados de forma gratuita para os frequentadores do CCBB.